fbpx

Energia fotovoltaica alcança brasileiros de todas as classes

Vivemos um momento ímpar no mundo, preços elevados, economia em cadência, e uma pandemia em seu mais alto nível.

Entramos em 2021 com a esperança de um ano melhor, e realmente não estamos vivendo um ano esperado e sonhado por muitos, mas a chance de nos reerguermos em uma economia 100% limpa é realidade para nós brasileiros.

Felizmente, o uso de energia fotovoltaica tem sido utilizada e recém conhecida por muitos, e está cada vez mais sendo explorada por brasileiros de classe alta, média e baixa, sendo cada vez mais, vista como uma grande alternativa para lucratividade, economia e sustentabilidade.

Para brasileiros que resolveram investir nessa fonte em meio ao atual cenário, o sistema tem proporcionado uma situação menos prejudicial em meio a atual crise econômica ocasionada pela pandemia do coronavírus.

“Ao contrário das vacinas, nós não precisamos criar as soluções, mas trabalhar em conjunto para acelerar a implementação em larga escala. A tecnologia fotovoltaica é limpa, prontamente disponível e a forma mais barata de investir em geração de energia em muitos lugares do mundo”. Relatou José Danoso, presidente da Global Solar Council (GSC).

Segundo a GSC, em março de 2021 será iniciado um projeto juntamente com a Worldwide Carbon Price. As duas empresas lançaram em parceria um webinar, visando agilizar a transição energética e, com objetivo de financiar a recuperação da pandemia, estimular a precificação efetiva do carbono. O projeto terminará em novembro com a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2021 que será realizada da Escócia, em Glasgow.

Além desse projeto, a GSC focará em fóruns virtuais, e terá como objetivo investigar os panoramas da fonte solar a partir da análise de preços, políticas e práticas de licenciamento fundamentais para estimular a descarbonização global.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!!

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial